sábado , 16 dezembro 2017
Home / Uncategorized / 35 anos, 1 jogo

35 anos, 1 jogo


Que os deuses do futebol gostam de nos fazer sofrer, isto é mais claro que a própria morte, por isso inventaram as disputas de pênaltis, acréscimos e gols perdidos, e o principal: a fila de títulos.

Não consigo pensar o que é suportar isto, no Brasil por mais que nosso time fique anos e anos sem ganhar uma competição nacional, sempre tem um estadual para nos enganar em uma fase ruim, assim as filas são bem mais modestas, na Europa nem tanto…

Por mais que tenha ficado nervoso ao extremo, a beira de um ataque cardíaco, eu não estava sentindo nem um pouco o que os torcedores que foram a Wembley ontem sentiam. Os dias de espera para aquela final devem ter sido mil vezes mais angustiantes, o medo de mais uma derrota deve ter assustado tanto que nem devem ter dormido na noite anterior. Analgésico para tudo? Talvez umas cervejas antes, mas acho que ontem nem isto cortou a ansiedade…

35 anos, três décadas e meia não só vendo seu time em uma draga, mas, o pior, os rivais na era mais vitoriosa da sua história, zombando de todos eles, se fazendo de superiores e com um técnico que a cada clássico desmerecia o próprio jogo, nem nos considerando como rivais, não é fácil suportar…

A maioria nem tinha nascido no último título, mas seguiam fervorosamente o time nesta epopéia sonhando o um final feliz. O que deve ser pior? Envelhecer com o time contando os anos da seca, ou nem sequer ter comemorado alguma vez? Por que seguir assim? Inexplicável.

A cada passo até sua cadeira no estádio as lembranças do caminho até ali, desde o Leicester até o maravilhoso derby naquele mesmo lugar. Depois do apito inicial as mãos gélidas, as pernas trêmulas. Eles acompanharam os gols perdidos, aquela vontade de gritar ficando apenas na vontade, até que o mesmo herói que mandara o rival para casa apareceu: alegria de alguns segundos, mas o sofrimento persistia, o sofrimento de pessoas que até alguns anos quase que se conformavam em pensar pequeno, em que a esperança de ver glórias eram cada vez menores.

Vieram os acréscimos, sempre com bolas alçadas a área: peripécias dos deuses do futebol. Até que vem o tiro de meta da certeza, daquela que mal acreditamos, eu tinha certeza, talvez aquela multidão azul só tivesse depois do apito mesmo…

Quando este veio aqueles 35 anos caíram por terra, com as zoações e tudo, os problemas particulares por maiores que fossem se tornaram mínimos, nada importava mais, precisavam colocar para fora o que estava engasgado, o momento era deles. Quando Tevez ergueu a taça era ajudado por mais de meio milhão de pessoas sedentas por ver aquele gesto.

Me sinto muito torcedor do City, mas não me comparo aquelas pessoas, não posso ser injusto, tudo o que sinto a 4 anos eles sentiram uma vida toda, e momentos piores, bem piores. Por isso que para estes guerreiros ingleses eu digo, parabéns, este título foi para vocês!

foto: Peter Ferguson

Acesses nossas redes sociais:

http://facebook.com/ManchesterCityBrasil
http://twitter.com/ManCityBrazil
Contato: joaohugo@manchestercity.com.br

Sobre João Hugo

Em 29 de dezembro de 2007, fundei o Man City Brazil com o Leonardo e o Fernando. Em 23 de fevereiro de 2017, 10 anos depois, nos tornamos a 1º torcida oficial do Manchester City na América Latina: The Citizens Brasil. O resto é estória pra boi dormir...

Veja mais

City continua invicto mas só empata em Londres!

Depois da partida na quarta-feira onde estive acompanhando o City na Champions League hoje foi …

Sem comentários

  1. Junior mandou muito bem no texto muleke, se um inglês ler isso vai ate chorar… Parabéns

  2. Jairo Muller

    Parabens City, esta é a primeira estrela de uma constelação que certamente estará por vir !
    Valeu City, sempre com orgulho na batalha.

  3. Pasha

    Belo post. Parabéns
    Por isso que ser torcedor do City é diferente. É especial. Nada de torcer pra times “modinhas” que estão sempre na mídia. Ser City, é isso. Paixão pura. Este é só o começo de uma série de títulos que estãp por vir!!

  4. rodrigo branco

    muito bonito o texto sim senhor ***** stars!!!
    GO CITY GO BLUE MOONS!

  5. Q texto cara
    é simplismente,emocionante
    ser city é isso,emoção,sofrimento,agonia e esses tempos muita alegria
    Q Time pai d’égua
    Sofro muito aqui no Pará pois sou Praticameente o único torcedor do City.
    O preconceito é grande com times que não tem muita fama.
    mas vou continuar sendo City FOREVER

  6. Valeu pessoal!

    Tomara que seja o primeiro de muitos mesmo!

    Abraço a todos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *