domingo , 17 dezembro 2017
Home / UEFA Champions League / Aguero leva City do inferno ao céu em 5 minutos e mantém time vivo na UCL

Aguero leva City do inferno ao céu em 5 minutos e mantém time vivo na UCL

JS51686888

Sensacional, espetacular, louco, emocionante… escolha o adjetivo, pois qualquer um serve bem para encaixar o que foi a partida de hoje contra o Bayern de Munique pela Champions League. Talvez a palavra que resuma tudo, e nós, com o conhecimento dos anos de acompanhamento, sabemos bem, é: City!

E o que falar de Sérgio Kun Aguero? Um monstro que se apresentou do jeito melhor que poderia fazer neste dia, e tomado por aquele espírito de 13 de maio de 2012 nos deu mais uma vitória épica que será lembrada nas paredes da história, principalmente se daqui há 15 dias ela se transformar no passaporte para u  ma classificação antes improvável.

A partida começou com o City ciente do que precisava fazer para se manter vivo após os desastres anteriores. A tarefa se mostrava mais difícil sem a liderança e qualidade de Yaya Touré, expulso contra o CSKA. O Bayern, tranqüilo, tentava apaziguar os ânimos e esfriar a partida. A primeira finalização citizen aconteceu aos cinco minutos, quando Lampard cabeceou para fora, a resposta do Bayern veio aos 8, quando Rode ficou cara a cara com Hart, mas o goleiro fez grande defesa. Aos 10 minutos Robben tentou sua jogada tradicional, mas a bola foi a esquerda do gol.JS51690632

Quando o Bayern já ensaiava um domínio no jogo, Aguero recebeu bola em velocidade, ficando de frente para o gol, o zagueiro Benatia não viu alternativa senão derrubar o argentino, o pênalti marcado e defensor expulso. O próprio Aguero fez a cobrança aos 21 minutos e abriu o placar, aliviando as coisas para os Citizens. Quem pensava que a vantagem numérica iria se transformar em jogo de um time só, se enganou, até porque estamos falando de City na Champions League, combinação nunca tranqüila. O jogo ficou morno por um tempo, sem grandes chances para os dois lados, o City veio fazer uma nova finalização aos 34, quando Lampard recebeu na entrada da área e mandou para fora.

Após isso veio o terror, aos 39, Lewandowski foi derrubado por Mangala na entrada da área, Xabi Alonso cobrou por baixo da barreira, rasteiro, e Hart fica só olhando, é o empate dos bávaros. Aos 44, Boateng cruza para Lewandowski cabecear por cima de Hart, virando a partida em um piscar de olhos, e a incredulidade marca o fim do primeiro tempo, mesmo com um jogador a mais os donos da casa não conseguiam se impor, tendo inclusive menos posse de bola.

O segundo tempo começou movimentado, logo aos dois minutos Fernando perdeu uma bola no meio, Xabi Alonso fez triangulação com Ribery e mandou por cima do gol. Aos 5, Navas invadiu a área e chutou cruzado, Neuer defendeu, um minuto depois é a vez de Milner receber de Lampard, cortar para o meio e chutar, com a bola passando bem perto do gol. Aos 24, Lampard chutou bem de fora da área, o goleiro alemão se esticou todo e mandou para escanteio. Aos 32, Nasri cobra escanteio e, após disputa de bola na área, a bola sobra para Kompany, que chuta a direita do gol.JS51691488

Então, quando a partida se encaminhava para o desfecho comum ao City nesta Champions: derrota e decepção, veio o improvável, comandado por um argentino que já provou especialista em produzir grandes emoções para os torcedores citizens. Aos 40 minutos, Xabi Alonso perde a bola para Jovetic, que passa para Aguero, o argentino dispara como um puro sangue num campo limpo, inalcançável, manda cruzado e empata o jogo, a chama de esperança resiste um pouco. Cinco minutos depois, a tão acalorada zaga do poderoso time de Guardiola comete outra bobagem imperdoável, Boateng perde a bola, desta vez diretamente para Aguero, um pecado mortal, que avança e toca na saída de Neuer. Era a virada impensada acontecendo, e colocando o City mais vivo do que nunca na briga pela segunda vaga do grupo!

A classificação se configura excentricamente com três equipes empatadas com cinco pontos, equilíbrio total, neste caso, os romanistas, que enfrentam o City no Olímpico, jogam por um empate sem gols, os Citizens precisam pelo menos de um empate que balance as redes, enquanto ao CSKA só interessa a vitória contra o Bayern. A rodada acontece dia 10 de dezembro.

Veja os gols da partida:

Sobre João Hugo

Em 29 de dezembro de 2007, fundei o Man City Brazil com o Leonardo e o Fernando. Em 23 de fevereiro de 2017, 10 anos depois, nos tornamos a 1º torcida oficial do Manchester City na América Latina: The Citizens Brasil. O resto é estória pra boi dormir...

Veja mais

PRÉ-JOGO NAPOLI X MANCHESTER CITY – UCL – 4ª RODADA

UEFA CHAMPIONS LEAGUE (4ª Rodada) Napoli x Manchester City – PRÉ-JOGO Nesta quarta-feira , o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *