sexta-feira , 24 março 2017
Home / Premier League / City vence o rival United por 2×1

City vence o rival United por 2×1

Os grandes rivais de Manchester protagonizaram nesta segunda-feira o Derby que nós mais amamos. E amamos mais ainda quando o City sai vitorioso. Sim, por que mesmo sem chances de alcançar os 12 pontos que o United tem na frente, vencer e derrubar uma série de jogos sem derrota dos rivais é de encher nossos corações azuis de alegria. Mas, emoções à parte, vamos ao jogo.
 
No primeiro tempo, o time de Mancini jogou claramente melhor. Os anfitriões se sentiram acuados dentro de seu próprio lar e só conseguiam criar suas chances na velocidade de seus contrataques. Uma chance de Van Persie veio aos 8 minutos em um chute cruzado e mal colocado. A bola passou fraca na frente do gol de Hart.
 
Aos 14 minutos, Zabaleta fez boa jogada pela direita, mas Tevez não conseguiu aproveitar o cruzamento. Dois minutos depois, Carlitos perdeu nova chance depois do cruzamento de Silva. Mais criativo e paciente para concluir suas jogadas, o City se aproveitou do recuo adversário.  Aos 25, Silva faz bom passe, mas o francês desperdiçou a chance de abrir o placar. Aos 28 minutos, Zabaleta cruzou pela direita, mas a bola bateu na mão de Silva e o espanhol recebeu cartão amarelo.
 
Young arriscou de fora da área, mas não levou perigo ao City. O time da casa conseguia suas oportunidades de abrir o placar explorando sua velocidade, mas nada que tirasse do City a boa partida que vinha fazendo.
 
 
Para o segundo tempo, as duas equipes voltaram sem alterações. O City começou bem nas boas movimentações de David Silva. Aos 51 minutos, Barry roubou a bola, com muito estilo, de Gibbs e arrancou pela direita. Colocou a bola nos pés de Nasri, que deu assistência para Milner abrir o placar. O goleiro De Gea chegou a tocar na bola, mas não foi suficiente para impedir o gol.
 
Mal deu tempo de comemorar e o United empatou. Em lance de bola parada aos 58 minutos, Jones mandou a bola pro gol, mas ela bateu na nuca de Kompany e entrou. O gol contra acendeu a partida e a deixou um pouco mais equilibrada.
 
Aos 70 minutos, Narsi recebeu lançamento de Silva, mas não aproveitou e mandou pra fora. Na sequencia, o francês saiu para a entrada de Aguero.  Os donos da casa tiveram duas chances de ampliar: Van Persie cabeceou aos 73 minutos, mas Hart defendeu; aos 76, Young chutou de fora da área e o goleiro ficou com ela novamente.
 
O segundo gol surgiu de uma jogada genial de Aguero. O argentino recebeu a bola na entrada da área, chamou a zaga pra cima dele e encaixou a bola no ângulo aos 77 minutos. Na sequencia, Rooney saiu para a entrada de Hernandez.  Apesar das fracas tentativas no United de empatar a partida de novo, o City segurou seu resultado.
 
 
Com o jogo quente vimos cartões amarelos para Barry e Zabaleta, e um empurra-empurra em campo. Aos 93 minutos, Javi Garcia entrou no lugar de Tevez. Os 4 minutos de acréscimo dados pelo árbitro Mike Dean não foram suficientes para impedir o City de sair do Old Trafford com os três pontos. Resultado justo para quem foi até a casa do adversário mostrar que não tem medo dos vizinhos. O City pintou Manchester de azul e mostrou que ainda está ali, vivo e destemido. 
 
Acesses nossas redes sociais:

http://facebook.com/ManchesterCityBrasil
http://twitter.com/ManCityBrazil
Contato: joaohugo@manchestercity.com.br

Sobre João Hugo

Em 29 de dezembro de 2007, fundei o Man City Brazil com o Leonardo e o Fernando. Em 23 de fevereiro de 2017, 10 anos depois, nos tornamos a 1º torcida oficial do Manchester City na América Latina: The Citizens Brasil. O resto é estória pra boi dormir...

Veja mais

Gabriel Jesus sai lesionado, Aguero faz gol e City chega ao segundo lugar

O Manchester City subiu para o segundo lugar da Premier League, depois de bater o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *