sábado , 22 julho 2017
Home / City Women / Lloyd marca e City Women vence o jogo de ida da UWCL

Lloyd marca e City Women vence o jogo de ida da UWCL

Na noite desta quinta (tarde em Brasília), o Manchester City deu mais um passo em sua história na Women’s Champions League. Com o solitário gol da estreante Carli Lloyd, o time de azul venceu o Fortuna Hjorring, na Dinamarca, pelo jogo de ida das quartas de final. Com praticamente o time todo à disposição – somente Megan Campbell e Jen Beattie não foram relacionadas – Nick Cushing pôde escolher o melhor para colocar em campo. E seu onze inicial foi:

O City foi incansável em toda a partida, com várias oportunidades de gol, porém, as dinamarquesas – com a lateral brasileira Tamires entre as titulares – não perdiam uma dividida. A primeira chance clara de gol veio aos 18 minutos, com Lloyd – usando a camisa 55, porque o número 10 fora usado por Daph Corboz, que deixou o clube no fim do ano passado, rumo ao Sky Blue, dos EUA – obrigando a goleira Maria Christensen a fazer boa defesa, mas, no rebote, Lucy Bronze ainda teve chance, mas em vão.

O gol só viria aos 35 minutos, quando Jill Scott roubou a bola na meia, passou para Jane Ross, que cruzou para Lloyd abrir o placar. Um gol de cabeça, que dá vantagem ao City no jogo da volta. E os lances perigosos pararam por aí.

Na volta do intervalo, o Fortuna pouco atacou, com Tamires e Olar, cujo chute obrigou Karen Bardsley a fazer boa defesa. Lloyd quase fez o segundo, mas perdeu o tempo de bola e desperdiçou o cruzamento de Kosovare Asllani. Nikita Parris ainda tentaria um um-dois com Lucy Bronze, mas também não resultou em gol.

Com a vitória garantida, o foco agora é a Copa da Inglaterra, onde o City enfrentará o Bristol fora de casa. O jogo da volta das quartas será na quinta, dia 30, às 16h (Brasília) no Academy Stadium e a partida será transmitida pelo Facebook do Manchester City Women. Se o clube passar, enfrentará o Lyon de Alex Morgan ou o Wolfsburg de Nilla Fischer, compatriota de Asllani. Serão confrontos bem interessantes e, mais do que nunca, o City precisa estar bem preparado.

Sobre Kamila Villarreal

Responsável pelo City Women. Queria ser jogadora de futebol, mas como não deu certo, escolheu ser jornalista.

Veja mais

Goleada recoloca o City Women na disputa da WSL Spring Series

Não tem preguiça no lado azul de Manchester! Após conquistar o último título que faltava …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *