segunda-feira , 25 setembro 2017
Home / City Women / Lloyd marca e City Women vence o jogo de ida da UWCL

Lloyd marca e City Women vence o jogo de ida da UWCL

Na noite desta quinta (tarde em Brasília), o Manchester City deu mais um passo em sua história na Women’s Champions League. Com o solitário gol da estreante Carli Lloyd, o time de azul venceu o Fortuna Hjorring, na Dinamarca, pelo jogo de ida das quartas de final. Com praticamente o time todo à disposição – somente Megan Campbell e Jen Beattie não foram relacionadas – Nick Cushing pôde escolher o melhor para colocar em campo. E seu onze inicial foi:

O City foi incansável em toda a partida, com várias oportunidades de gol, porém, as dinamarquesas – com a lateral brasileira Tamires entre as titulares – não perdiam uma dividida. A primeira chance clara de gol veio aos 18 minutos, com Lloyd – usando a camisa 55, porque o número 10 fora usado por Daph Corboz, que deixou o clube no fim do ano passado, rumo ao Sky Blue, dos EUA – obrigando a goleira Maria Christensen a fazer boa defesa, mas, no rebote, Lucy Bronze ainda teve chance, mas em vão.

O gol só viria aos 35 minutos, quando Jill Scott roubou a bola na meia, passou para Jane Ross, que cruzou para Lloyd abrir o placar. Um gol de cabeça, que dá vantagem ao City no jogo da volta. E os lances perigosos pararam por aí.

Na volta do intervalo, o Fortuna pouco atacou, com Tamires e Olar, cujo chute obrigou Karen Bardsley a fazer boa defesa. Lloyd quase fez o segundo, mas perdeu o tempo de bola e desperdiçou o cruzamento de Kosovare Asllani. Nikita Parris ainda tentaria um um-dois com Lucy Bronze, mas também não resultou em gol.

Com a vitória garantida, o foco agora é a Copa da Inglaterra, onde o City enfrentará o Bristol fora de casa. O jogo da volta das quartas será na quinta, dia 30, às 16h (Brasília) no Academy Stadium e a partida será transmitida pelo Facebook do Manchester City Women. Se o clube passar, enfrentará o Lyon de Alex Morgan ou o Wolfsburg de Nilla Fischer, compatriota de Asllani. Serão confrontos bem interessantes e, mais do que nunca, o City precisa estar bem preparado.

Sobre Kamila Villarreal

Responsável pelo City Women. Queria ser jogadora de futebol, mas como não deu certo, escolheu ser jornalista.

Veja mais

No apagar das luzes da WSL Spring Series, City vence, mas é vice

Neste sábado, o Manchester City entrou em campo pela última rodada da WSL Spring Series, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *