sexta-feira , 24 novembro 2017
Home / Uncategorized / Mancini a personificação em pessoa dos torcedores do City

Mancini a personificação em pessoa dos torcedores do City

Nenhum time consegue marcar 6 gols em Old Traford se os jogadores não estiverem totalmente de acordo e com total apoio ao técnico.

Essa foi o grande vitória de Mancini a todos aqueles que duvidaram de seu poder sobre o elenco, suas habilidades como técnico, e principalmente há Carlos Tevez.

Desde aquela triste noite em Munique onde Roberto foi a vítima de uma grande insubordinação, City jogou 3 jogos pela Premier League marcando 14 gols. O outro jogo foi pela Champions League contra o Villarreal em casa onde a equipe marcou o gol da vitória no último ataque. Todos esses eventos mostram a força do elenco no momento de maior crise na era Mancini.

E não é apenas o estilo de jogo do City que tem sido o mais bonito e corajoso da Premier no momento, mas todas as decisões de Mancini principalmente nas grandes ocasiões estão sendo corretas, coisas que só os grandes técnicos são capazes de fazer.

Pense em todos os aqueles que mudaram o Futebol Inglês na era moderna: Alex Ferguson, Arsene Wenger, José Mourinho. Esses técnicos não tem medo de tomar decisões nos momentos de maior pressão, coisas que Mancini está fazendo nesse momento.

Não apenas resolvendo o problema com Carlos Tevez, que como Alex Ferguson disse uma atitude de maestria de um grande técnico, mas também a forma que ele consegue tirar o máximo de suas estrelas.

Ontem ele deixou de fora da equipe Samir Nasri que chegou como mais uma estrela em Manchester, e optou por Balotelli após mais uma polêmica envolvendo seu nome.

Ele mostrou que as duas escolhas foram certas, a força e todo o atletismo do meio de campo do City simplesmente foram demais para o United.

Fletcher e Anderson estavam perdidos no parque, com Yaya, Barry, Silva e Milner fazendo o que bem pretendiam.

Escutar o todo arrogante Alex Ferguson dizer que seu time deveria ter recuado depois do 3×1 ou 4×1 mostra que ele mesmo sabia que o jogo do City era muito superior.

Mancini afirmou que assistiu as últimas partidas do United, e o italiano percebeu que eles marcavam muitos gols mas também davam muitas chances aos adversários.

Mancini sabia que em casa os wingers do United atacam o tempo todo e os laterais sempre fazem o overlap, Roberto pediu que nossos laterais fossem agressivos empurrando Smalling e Evra de volta para o campo de defesa.

Um banho tático, uma vitória gritante e um resultado humilhante e embaraçosso para o time de Salford.

A chegada de Mancini não foi fácil, teve que lutar contra um elenco com alguns jogadores que eram mimados por Mark Hughes e faziam o que bem quissesem.

Mancini traçou e recebeu metas, que até o momento foram cumpridas, 1 título FA CUP e a classificação para a UCL.

O italiano não precisa de nehuma indicação que seu método de trabalho é bem visto ao olhos dos torcedores do City, pois tem seu nome cantado a cada jogo.

Ontem apenas um jogador do City saiu como perdedor, e ele se chama Carlos Tevez que perdeu a chance de participar desse elenco fantástico e principalmente fazer parte da história.

A diretoria quer renovar seu contrato que acaba em 2012, mas o técnico disse estar preoucupado com a equipe depois vai resolve a sua renovação.

Mancini é a personificação dos torcedores do City, o desejo de vitória a gana de vencer a vontade de entrar para um seleto grupo.

Roberto Mancini tem todo o crédito pelo momento do City, que apesar de alguns confrontos de personalidades, prefere trabalhar com grande jogadores. Uma equipe A que precisa de um técnico que não seja popular com os jogadores, do que um que só massageia o ego deles.

A missão de Mancini não está nem perta de ser cumprida, mas ele pode ter certeza a batalha pelo corações dos torcedores já esta ganha.

Acesses nossas redes sociais:

http://facebook.com/ManchesterCityBrasil
http://twitter.com/ManCityBrazil
Contato: joaohugo@manchestercity.com.br

Sobre João Hugo

Em 29 de dezembro de 2007, fundei o Man City Brazil com o Leonardo e o Fernando. Em 23 de fevereiro de 2017, 10 anos depois, nos tornamos a 1º torcida oficial do Manchester City na América Latina: The Citizens Brasil. O resto é estória pra boi dormir...

Veja mais

City continua invicto mas só empata em Londres!

Depois da partida na quarta-feira onde estive acompanhando o City na Champions League hoje foi …

Sem comentários

  1. Pasha

    Parabéns pelo post. Eu que na última temporada cansei de criticar e xingar o Mancini, dou a mão a palmatória. Realmente ele mudou a forma de jogar, e o futebol esta bonito de se ver. Agora é só torcer para ele não ter nenhuma recaída… rs

  2. David

    Continuo não achando Mancini técnico para um time grande como o City. Mas desde há muito admiro sua postura enquanto profissional.

    É importante que tenhamos um treinador com mentalidade de campeão. Há apenas dois anos atrás, Ireland reclamava de “valores éticos”, ao ter sido preterido pelo italiano. Os resultados tem mostrado quem estava com a razão.

    Mancini vem provando que futebol não tem nada a ver com coleguismo, tradição e blá-blá-blá. Futebol tem a ver com ambição soberba, poder, força -vitória! Fez questão de contratar jogadores de primeiro escalão (ao contrário do tolo Mark Hughes) e impôs ao time a necessidade do sucesso.

    Por isso eu aplaudo Mancini.

  3. David

    Confiram O QUE EU JÁ ESCREVIA SOBRE ISSO, há mais de um ano atrás:

    http://davidbraga.wordpress.com/2010/08/21/rock-and-roll-city/

  4. Não considero o Mancini um dos melhores técnicos do mundo, mas hoje achou ele é o melhor para o City, ninguém disponível no mercado faria melhor que ele momento.

    Não é fácil pegar uma equipe com complexo de inferioridade e transforma- lá numa grande equipe.

    Ele errou e muitos momentos, mas sempre pensando no bem da equipe, diferente de outros técnicos ele nunca se elogia nas vitorias e muito humilde não se próprio entitula Special One.

    Futebol é gradativo e vemos que a equipe esta evoluindo a cada jogo, e joga totalmente diferente do passado. Agora como todo logo campeonato vamos ter momentos de queda, é vai ser nessas horas que ele vai ter que mostrar sua habilidade em fazer a equipe ganhar msm jogando mal.

    Hoje Balotelli evoluiu pela paciência de Mancini em muda-lo.

    Agora para mim a maior contribuição de Mancini para o City de chama David Silva. 

    Todo mundo conhecia o espanhol como um bom winger do Valência, mas nenhuma equipe do mundo tentou compra-lo nem msm o Barcelona ou Real que o assistiam semana em semana. O Valência estava tão desesperado por dinheiro que a compra do Silva foi muito rápida. 

    Mancini apostou no jogador e o transformou agora num meia armador, o melhor jogador da Premier na atualidade e um dos melhores do mundo, e Silva sabe e respeita Mancini por isso. 

  5. O Mancini está crescendo junto com o City.

    Só não entendo a matemática de alguns: Se o City joga mal é culpa do Mancini; Se o City joga bem o mérito não é dele? aaaah vá se…

  6. David

    E James Milner queimou minha língua… ainda bem!!!

    Espero que ele prossiga evoluindo. Quem sabe assim Nasri, melhor jogador, desperte de seu recente ataque narcoléptico.

  7. Muito bom post Evans. Eu bato palmas para o Mancini, pois conseguiu todos os objetivos até agora, e nessa temporada a equipe está com um futebol impecável.

    Eu critiquei o Mancini, porque muitas vezes a equipe não jogou nem foi escalada da melhor maneira na minha visão, mas sempre fui enfático em pedir paciência para avaliar os resultados, e o tempo deu razão ao italiano.

    A paciência dos momentos ruins também vale para os momentos bons, então, vou elogiá-lo, mas com moderação, esperando o final da temporada para avaliar.

    A certeza que tenho hoje é que ele é a pessoa certa para o cargo, pois fez por merecer com a evolução do time.

  8. Valeu Manoel… muito obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *