sábado , 25 novembro 2017
Home / City Women / Mercado, renovações e convocações: as últimas do City Women

Mercado, renovações e convocações: as últimas do City Women

Na tarde de hoje (30), o City Women anunciou a contratação da atacante escocesa Claire Emslie (destaque), vinda do Bristol, onde foi a artilheira do time na WSL 2 de 2016, com 12 gols em 10 jogos. Claire tem 23 anos, nasceu em Edimburgo e tem passagens pelo Flórida Atlantic University (EUA), onde também estudou Fisiologia do Exercício, e pelo Hibernian, onde foi campeã escocesa em 2011. A atleta frequenta a seleção desde o sub-15 e terá no City a companhia de Jen Beattie e Jane Ross, que defenderá a Escócia na Euro 2017, na Holanda.

Mas, antes de Claire, o City renovou os contratos da zagueira e capitã Steph Houghton, que não revelou valores, apenas que seria um contrato de longa duração, algo raro em clubes femininos. Além dela, quem também vai ficar no City, por uma temporada, será a lateral direita Meg Campbell. A camisa 20 teve um início difícil no clube, onde sofreu com lesões, porém, nos últimos jogos da temporada passada, se recuperou de modo avassalador, e, o mais importante, criando uma disputa sadia com Lucy Bronze, dona e senhora da posição. Se necessário, Meg também pode jogar no miolo de zaga. Quem também vai ficar no City é Karen Bardsley. Nossa arqueira (e da Inglaterra) ficará por mais dois anos em Manchester.

Meg Campbell em ação pelo City. Foto: MCWFC

Pensando em não improvisar – e atender o desejo desta que vos escreve -, o City foi até a Dinamarca buscar a zagueira Mie Jans, que disputou a UWCL 16/17 com o Brondby IF, enfrentando as Blues nas oitavas de final. Mie tem 23 anos e impressionou a comissão técnica do City por sua força e consciência tática. Mais uma peça importante na defesa, que atualmente só tem três zagueiras de origem: Houghton, Abbie McManus e Jen Beattie. Mie também estará com sua seleção na Euro.

UPDATE (10/08): Mie machucou o tornozelo direito, e só voltará aos gramados em oito semanas.

Mie Jans assinando seu contrato ao lado de Nick Cushing. Foto: MCWFC

Como é possível ver, o City está cada vez mais investindo no futebol feminino, que já mostrou resultados e está caminhando com suas próprias pernas, com seus próprios ídolos e cada vez mais meninas e mulheres querendo vestir a camisa azul que, em três temporadas de existência – como City Women – já possui cinco títulos, sendo duas Conti Cup (equivalente feminino da Copa da Liga), em 2014 e 2016, a WSL 2016 e a Copa da Inglaterra 16/17, além de um título da Northern Division, em 2012, quando ainda era conhecido por Man City Ladies, que qualificou o time para disputar a primeira divisão.

Para terminar a boa fase do clube, a Eurocopa feminina, sediada na Holanda, começará dia 16 de julho e será possível acompanhar várias Citizens em campo por suas seleções: a já citadas Jane Ross, pela Escócia e Mie Jans, com a Dinamarca; Kosse Asllani, que já ultrapassa 100 convocações pela Suécia; e a Inglaterra, que terá oito jogadoras, a lista você confere aqui.

UPDATES (10/08): Após Toni Duggan ser contratada pelo Barcelona no início do mês passado, foi a vez de Kosovare Asllani deixar o clube. Nossa ex-camisa 7 voltará para a Suécia para defender as cores do Linköpings, clube que a revelou. Duggan defendeu o City entre 2014 e 2017, marcando 19 gols em 44 jogos. Asllani chegou ao clube em 2016, aparecendo em 25 partidas em 18 meses (o que é pouco porém compreensível, já que ela não conseguiu se firmar como titular) porém já está na história do clube por sua dedicação – e por ser a primeira atleta do time feminino a ganhar uma medalha olímpica.

Hoje também foi o dia de Jen Beattie ter seu contrato renovado com o clube. A zagueira de 26 anos chegou ao clube em 2015 e de lá pra cá formou uma consistente dupla de zaga com Steph Houghton. Seu novo contrato tem duração de dois anos.

Beattie assinando seu novo contrato. Foto: MCWFC

Sobre Kamila Villarreal

Responsável pelo City Women. Queria ser jogadora de futebol, mas como não deu certo, escolheu ser jornalista.

Veja mais

Mais uma vitória e mais uma lesão para o City Women na WSL

Hoje, pela terceira rodada da WSL, o Manchester City visitou o Everton no Select Security …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *