sábado , 24 Fevereiro 2018
Home / Notícias / City Women / Mudanças no gol do Women: renovação de Roebuck e empréstimo de Hourihan

Mudanças no gol do Women: renovação de Roebuck e empréstimo de Hourihan

Nesta sexta, o City anunciou duas novidades, curiosamente, ambas no gol: a primeira foi a renovação de contrato de Ellie Roebuck, de 18 anos, que assinou seu primeiro contrato como atleta profissional com o City. Seu novo acordo vai até o fim da temporada 2018/19.

Até o momento, Ellie já jogou 13 partidas com a camisa azul, incluindo participações no banco e a estreia na Champions League, contra o SKN St. Polten. Suas atuações foram tão convincentes que ela passou a ser a segunda goleira do clube, ultrapassando até mesmo Marie Hourihan, que chegou ao clube para ser a reserva imediata de Karen Bardsley.

Nascida em Sheffield e criada nas categorias de base do clube, a camisa 26 diz, ao site do Manchester City, não querer estar em outro clube. “É um sentimento tão grande. Eu não poderia ter desejado assinar com um clube melhor. Gostei do meu tempo aqui no time até agora e estou muito feliz por continuar. Foi incrível assinar meu primeiro contrato profissional aqui – é tudo o que eu queria fazer desde o momento em que entrei no clube. É uma grande conquista e, espero, vou continuar a desfrutar deste clube de futebol“.

Embora seja fácil querer descansar, Roebuck está completamente concentrada em continuar seu crescimento e melhoria. “Para mim, não acho que nada mude depois de assinar meu contrato“, acrescentou. “Eu trabalharei tão duro como já fiz anteriormente, é ótimo saber que vou estar aqui por mais tempo. O foco principal para mim é continuar trabalhando duro e espero obter mais tempo de jogo para que eu continue avançando. KB [Karen Bardsley] e Marie [Hourihan] foram tão incríveis e solidárias, por isso é um ótimo ambiente para estar. Elas e Chris, o preparador de goleiras, aumentaram minha progressão, então espero que continue“.

Com o City ainda vivo nas quatro competições na temporada 2017/18 e na liderança da WSL, a goleira está feliz por continuar sua carreira no City. “A melhor coisa sobre o City é o ambiente em que você está. Mas também a contribuição dos torcedores, treinadores e jogadoras – todos são tão acolhedores e adoro fazer parte de tudo“, conta a também goleira da Inglaterra sub-20. “O vínculo da equipe dentro e fora do campo contribuiu massivamente para o nosso sucesso até agora nesta temporada e acho que todos estão jogando um pelo outro, então espero que possamos manter a corrida vencedora. Eu acho que o destaque para mim até agora é a minha estreia na Champions League – esse foi um momento realmente especial para mim e que eu não esperava acontecer tão cedo“.

Enquanto Roebuck permanece no clube, Marie Hourihan acertou nesta quinta seu empréstimo para o Brighton & Hove Albion, até o fim desta temporada. O time está na WSL 2 (a segunda divisão), mas enfrentará o City pela quarta rodada da Copa da Inglaterra, e Marie não poderá jogar, pois foi inscrita pelo City. Aos 30 anos, a arqueira titular da Irlanda não convenceu em suas atuações, e acabou perdendo espaço para Ellie Roebuck – e tempo de jogo é essencial para ela, já que ela e sua seleção buscam uma vaga no próximo mundial, em 2019. Antes do City, Marie passou por Birmingham e Chelsea, onde foi campeã da WSL em 2015.

Sobre Kamila Villarreal

Jornalista. Encontrou no Manchester City o que julgava ser impossível: ver mulheres jogando futebol. Fã da Jill Scott e editora-chefe da City Women no manchestercity.com.br.

Veja mais

Empurrando Limites | Depoimento exclusivo de Nick Cushing para o Coaches’ Voice

A The Citizens Brasil traz com exclusividade a tradução do depoimento que Nick Cushing deu …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *