quarta-feira , 26 julho 2017
Home / Uncategorized / O dono do lado esquerdo

O dono do lado esquerdo

 Manchester Evening News
Gael Clichy explicou como tem sido a vida sob os holofotes depois de sua primeira temporada no Manchester City.
Contratado por 7 milhões de libras junto ao Arsenal no último verão, conquistou sua segunda Premier League da carreira, demonstrando um ótimo começo no novo clube.
Com 26 anos, o francês estabeleceu-se como primeira escolha de Roberto Mancini  para a lateral-esquerda, confirmada pelo excesso de especulações sobre a saída de Aleks Kolarov.
Mas, apesar da temporada de sucesso, Clichy, que está junto a França disputando a Eurocopa, revelou que  ainda está chegando a uma posição sobre seu espaço no Etihad.
“A coisa apologética para um lateral é que você tem que ser capaz de fazer tudo bem”, disse.
“Se você tem um grande jogo defensivamente, mas não ataca o suficiente, é criticado. Se for o contrário também é criticado.”
Ele vê a busca do equilibrio entre as duas variáveis para achar o espaço do lateral no futebol moderno.
“Nós tendemos a focar apenas no mais visível, como gols e assistências. Esses dias um jogador pode ter um jogo medíocre, mas se ele marca o gol da vitória nos acréscimos, os comentários das pessoas vão mudar completamente.”
Clichy está competindo diretamente com Patrice Evra, lateral esquerdo do rival United, para ver quem assume a titularidade dos bleus na competição continental. Em comparação de temporadas, o citizen levaria a vaga fácil, pois foi bastante superior, mas Evra carrega o nome.
O jogador também comentou a histórica conquista de maio, após uma fila de 44 anos sem títulos do campeonato inglês do City.
Ele descreveu o final dramático com o gol de Aguero nos acréscimos como a “melhor maneira possível para vencer o campeonato.”
Clichy, no entanto, admitiu que ficaria feliz com um final mais confortável na próxima temporada.
“Foi um grande esforço e uma grande temporada”, disse ele. “Muitas pessoas estão dizendo que foi a melhor temporada na história da Premier League, com todas as reviravoltas e o final dramático.”
“Foi difícil para os fãs, mas eu acho que é a melhor maneira possível para nos tornarmos campeões, ao contrário da segurança de um título com cinco jogos de sobra.”
“Eu já havia conquistado um título na minha primeira temporada no Arsenal , que foi um pouco mágico. Mas este ano foi muito intenso, pois foi se decidir no último chute, nos últimos segundos.”
“As pessoas adoram quando uma situação se vira assim. Mas se alguém me der a chance de ganhar o título no próximo ano com uma diferença de cinco pontos, eu vou levar imediatamente. É melhor para os nervos.”
Quem viu a consagração do jogador pelo lado esquerdo do esquadrão azul pode duvidar que o menino Gael era proeminentemente destro quando começou nos subúrbios de Toulose.
Ele revelou que deve a seu pai, Claude, também primeiro e treinador, e um acidente na sua mudança.
“Eu quebrei minha perna direita quando eu era pequeno”, disse.“Meu pai também queria que eu me tornasse mais completo,um  jogador com os dois pés. Hoje sou canhoto e agradeço-lhe por isso, porque se não fosse, com tanta concorrência à direita, minha carreira não poderia ter sido a mesma.”

Acesses nossas redes sociais:

http://facebook.com/ManchesterCityBrasil
http://twitter.com/ManCityBrazil
Contato: joaohugo@manchestercity.com.br

Sobre João Hugo

Em 29 de dezembro de 2007, fundei o Man City Brazil com o Leonardo e o Fernando. Em 23 de fevereiro de 2017, 10 anos depois, nos tornamos a 1º torcida oficial do Manchester City na América Latina: The Citizens Brasil. O resto é estória pra boi dormir...

Veja mais

Chelsea x Manchester City-Preview

Barclays Premier League-13 Rodada Data: Domingo-25/11/2012 Local: Stamford Brigde-Londres Horário:14:00h (Brasília) Árbitro:Chris Foy Transmissão: Fox …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *