quarta-feira , 26 julho 2017
Home / Especulações / O que esperar?

O que esperar?

 

O Manchester City passou por uma reformulação em parte do seu elenco e, principalmente, na comissão técnica para a temporada 2013/14, desde a demissão do italiano Roberto Mancini. Trouxe jogadores novos, um treinador experiente e, pelas últimas declarações de Alberto Pellegrini, que também deve mudar o jeito de jogar da equipe. 
 
Os Sky Blues estão em pré-temporada e ainda é difícil dizer como o time deve atuar, mas, pelos os nomes que chegaram, deixa a impressão de que não será como anteriormente. 
 
As especulações são muitas envolvendo o City depois que o clube se tornou rico. Somente nesta semana já ouvimos que os Blues fez sondagens por Oscar Cardozo, Lewandoski, Cristiano Ronaldo e agora, Jovetić. Este último que, ao que tudo indica, pode ser mais um reforço para o ataque citizen. O Manchester United também tenta contratar o atacante, mas o City tem preferência na negociação pelo bom relacionamento com a Fiorentina. 
 
A única coisa que temos certeza e podemos esperar do chileno é uma equipe com futebol ofensivo. Atraente não sei, mas ofensivo com certeza. Manuel Pellegrini sempre joga para frente e no City, pelas últimas declarações do treinador, não será diferente. 
 
Fazendo um balaço em nível técnico dos atletas que saíram e chegaram, o City perdeu no ataque, mas ganhou melhor opção no meio. Enquanto Mário Balotelli e Carlos Tevez foram jogar na Itália (Milan e Juventus, respectivamente), o City trouxe Jesus Navas (ex-Sevilla) e Fernandinho (ex-Shakhtar Donetsk). 
 
No meio, Fernandinho é uma nova opção que pode atuar em vários setores, tanto como volante de contenção, como saindo com a bola, de segundo volante. Já Navas é um winger, posição onde o City tinha carência nas temporadas anteriores, contando apenas com Scott Sinclair no elenco. O inglês, inclusive, pouco aproveitado desde que veio do Swansea.
 
No ataque, a necessidade por mais um atacante preocupa. Não pela falta, mas sim pelo exagero e pelo desafio de Pellegrini em ter que saber administrar os egos de todos os atletas e fazer todo mundo jogar. Já temos Kun Aguero, Edin Dzeko e John Guidetti na posição. Será outro desafio para o novo treinador. Mas, como a temporada é longa e o risco de contusões é muito grande, existe, sim, esta necessidade.
 
Por fim, o City deve ir atrás também de um zagueiro. O clube queria Pepe, mas o Real Madrid não pretende vendê-lo. Lescott, pouco aproveitado após perder a vaga para Nastasic, quer jogar e deve sair. O City deve se mexer para trazer alguém de qualidade e que tenha paciência para conquistar uma possível titularidade no lugar de Kompany ou Nastasic.
 
Ainda há outras especulações sobre as saídas de Kolarov e Gareth Barry, mas nada certo.
 
Elenco o chileno Pellegrini terá, resta saber o que ele pode fazer com o seu novo plantel.
Acesses nossas redes sociais:http://facebook.com/ManchesterCityBrasil
http://twitter.com/ManCityBrazil
Contato: joaohugo@manchestercity.com.br

Sobre João Hugo

Em 29 de dezembro de 2007, fundei o Man City Brazil com o Leonardo e o Fernando. Em 23 de fevereiro de 2017, 10 anos depois, nos tornamos a 1º torcida oficial do Manchester City na América Latina: The Citizens Brasil. O resto é estória pra boi dormir...

Veja mais

Toure rejeita proposta de R$ 1,7 milhão por semana do futebol chinês

Barrado por Pep Guardiola no início da temporada, mas readmitido no elenco do Manchester City …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *